[ Comportamento ][ Life Style ]

Como foi meu 2017

Estamos quase nos despedindo de 2017 e nessa época começamos a fazer uma retrospectiva, refletindo sobre tudo que vivemos ao longo do ano, desde os aprendizados até as metas alcançadas (e as que não foram também).

O ano de 2017 foi um ano em que muitas das metas que eu tracei, eu não realizei. Isso poderia me frustrar (e frustou em alguns momentos) mas a vida, com toda a sua perfeição, me fez entender que esse ano (para mim) não seria o ano do ter/fazer mas sim do ser.

Dentre tudo, eu escolhi alguns pontos que aconteceram esse ano, para destacar e compartilhar com vocês.

BLOG

Em Janeiro de 2017 eu fiz o primeiro post no blog, mas mantive esse espaço em segredo durante 2 meses (somente meu marido sabia), quando então, fiz um Instagram e comecei a compartilhar o link do blog com os amigos e familiares no whatsapp.
Quem me conhece sabe que nem de longe eu sou uma pessoa tímida e de fato, não foi a timidez que me impediu de contar sobre o blog, mas sim o medo do julgamento alheio, inclusive falei sobre esse tema nesse post.
Através do auto-conhecimento, eu percebi que ao longo da vida eu havia deixado de fazer várias coisas pelo mesmo motivo e eu não podia deixar que minhas ações continuassem réfem desse medo e então, decidi superá-lo através da “exposição” no blog.

Com o Mundo da Sil eu descobri uma maneira de expressar um hobby que eu sempre gostei: escrever. E através dele, eu encontrei uma maneira de ajudar as pessoas compartilhando dicas e trocando experiências.
Aqui eu também descobri que eu preciso ter cautela e preciso me expressar com responsabilidade para não ferir ou ofender alguém. Esse comportamento eu tenho levado para a minha vida, pois essa responsabilidade não deveria ser apenas de quem tem um blog, mas sim de todo e qualquer individuo.
Nesse quesito eu já falhei muito com as pessoas, mas hoje, sem dúvida, eu penso muito mais antes de mandar uma mensagem ou dizer algo à alguém mesmo quando eu acho que estou com a “razão”. E confesso à vocês, que ter aprendido a segurar meus impulsos só me trouxe paz e sabedoria.

VISITA DA FAMÍLIA

Pra mim, viver longe da família e dos amigos é o meu maior desafio de morar fora. Eu sabia que a saudade seria inevitável, mas ela é muito maior do que eu podia imaginar.
Nesse ano, fomos abençoados/privilegiados por poder contar com a visita dos nossos pais, que trouxeram tanto amor, carinho e o acolhimento familiar que tanto sentíamos falta.
Com eles vivemos um tempo de qualidade e tivemos momentos inesquecíveis, inclusive muitos dos passeios que fizemos, compartilhei em diversos posts no blog e para quem me acompanha no insta (@mundodasil) viu pelo stories os diversos momentos de emoção da minha mãe chorona ao visitar o Canadá.

De fato, fomos muito privilegiados com essas visitas, pois ouvimos frequentes histórias de pessoas que vivem aqui e estão há anos sem ver a família, por “N” motivos, que podem envolver a aprovação de visto, o custo da viagem que infelizmente também não é barata. No verão, por exemplo, cheguei a ver voo direto de SP para Toronto por R$ 10,000 (Sim, 10 mil e era classe econômica) com isso, diversas vezes tivemos de alterar a data da vinda da minha mãe. Há também aqueles que tem pânico de avião e por isso, nem cogitam passar 10hs em um voo para visitar quem quer que more aqui.
Por essas e outras, sou muito grata por termos tido tão rápido essa oportunidade de ter a companhia dos nossos pais conosco.

VIAGENS INCRÍVEIS

Quando ainda morávamos em São Paulo, eu e meu marido gostávamos de aproveitar as férias no trabalho para fazer uma viagem prolongada. E basicamente aquela seria “a viagem” do ano.

Uma das maiores vantagens que tivemos ao morar no Canadá, foi em relação as férias. No geral, a maioria das empresas em Toronto oferecem 15 dias de férias (metade do que tínhamos Brasil), no entanto, você pode pegar dias de férias picados (como 2 dias, por exemplo) e se você não trabalha no final de semana, esses dias também não são contados nas férias.
Com isso, conseguimos fazer diversas viagens emendando feriados, onde pegavámos 3 dias de férias, mas viajávamos por exemplo, por 7 dias.
Então ao invés de fazer 1 viagem de 15 dias, como era de costume, passamos a fazer viagens curtas, porém para mais destinos.

Todos os locais que visitamos ao longo do ano eu compartilhei no blog, como a viagem para Orlando, a visita em Ottawa, as diversas idas para Niagara e a inesquecível/incrível viagem de motorhome pelas montanhas rochosas Canadenses. Além da viagem para o Brasil, onde eu compartilhei as minhas impressões.

APRENDIZADO

Mesmo não tendo realizado tudo o que eu planejei, 2017 foi um ano de muitas conquistas pra mim, não sobre as coisas que planejei, mas sobre os desafios que a vida me trouxe que me transformaram completamente.
As coisas nem sempre acontecem como desejamos (ainda bem), por isso, quando algo não estiver indo como você planeja, olhe para o lado e procure uma alternativa ou quem sabe, procure por um novo destino.
Uma das maiores lições que aprendi nesse ano é que insistir em algo que não está dando certo, só resulta em perda de tempo e energia. Então, é preciso tentar novos métodos ou até desapegar da idéia (pelo menos naquele momento) e encontrar outro caminho que flua.

Este foi um ano cheio de descobertas, de auto-conhecimento, de momentos inesquecíveis e de muita gratidão.

Para aqueles que ao longo do ano estiveram coladinhos comigo no blog, eu deixo aqui o meu MUITISSIMO OBRIGADA!
Eu espero que de alguma maneira pelo menos um dos posts tenha lhe ajudado a conhecer a cultura Canadense, a explorar novos lugares em Toronto, a planejar sua viagem dos sonhos e fazer compras conscientes e bem proveitosas.

Para o novo ano, eu espero poder continuar compartilhando dicas e inspirações com vocês. E que cada vez mais eu aprenda a compartilhar o que eu tiver de melhor com o próximo.

 

Aproveite e me conta nos comentários qual foi seu post favorito no blog esse ano? Eu vou adorar saber.

 

Beijos e até o próximo post.

Loading Likes...

mundodasil

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *