[ Viagens ]

Tour na Inniskllin – Vinícula em Niagara

Com a vinda dos meus sogros para o Canadá, fizemos muitos passeios com eles e um dos lugares que tínhamos que levá-los era em Niagara Falls (inclusive já falei desse destino neste post) e aproveitamos para fazer um tour numa vinícola.

Diferente das cataratas que é possível chegar lá de ônibus, as vinículas ficam um pouco mais afastadas e o único jeito de visitá-las é de carro ou através de excursões que fazem os trajetos em vans ou ônibus.

Há muitas vinículas na região e a que escolhemos conhecer desta vez, foi a Inniskllin.

Nessa vinicula, há a opção de escolher entre 2 tours, sendo um deles sobre vinhos tinto da região ou sobre o icewine (vinho produzido com uvas congeladas). Optamos pelo tour do icewine, pois a bebida além de ser produzida somente na Alemanha e aqui no Canadá (que é o maior produtor), virou nosso vinho favorito por conta do sabor adocicado único, que nós amamos.

E lá fomos nós…O tour começa pelas plantações onde a guia explica que Niagara é o local ideal para produção de uvas, por conta do ar frio que vem do lake Ontario e do vento quente que vem do lado oposto, mantendo a temperatura equilibrada. Ali mesmo ela também nos contou a história dos fundadores daquela vinícula e como tudo começou.

Em seguida, somos conduzidos para o depósito onde ficam os tanque de aço onde toda a fermentação da bebida é feita.Também há alguns vinhos em que a fermentação é feita em barris de carvalho, onde curiosamente a origem do carvalho influencia no sabor final. Por fim, depois de engarrafados, os vinhos são levados para as adegas, onde também de acordo com o tempo que ficarem guardados apresentarão sabores distintos.

A plantação e colheita das uvas para a produção do icewine também é bastante curiosa. Após o rigoroso inverno, as uvas começam a dar os primeiros sinais no fim da primavera e começo do verão (na foto abaixo dá para ver exatamente essa etapa) e ali seguem crescendo até serem colhidas no inverno (entre Novembro de Fevereiro). A colheita é realizada somente depois que as temperaturas negativas estejam recorrentes, o dia da colheita tem que estar em -12ºC e sempre a noite, pois é o periodo mais frio do dia.

Por fim, fomos para uma degustação dos vinhos, onde alguns experimentos são realizados para testar nosso paladar e a mudança de sabores ao beber o Ice wine comendo um chocolate amargo e o mais incrível de todos foi de ver uma grande diferença no sabor da bebida por simplesmente experimentá-la em taças com formatos diferentes. Achei incrível!

Para quem ficou interessado o tour tem o valor de CAD$ 20,00 + taxas. Não foi necessário fazer nenhuma reserva antecipada, chegamos lá e conseguimos comprar o acesso para o próximo tour (os quais acontecem a cada 20min). Para quem quiser apenas ver as plantações, adquirir vinhos na loja local ou até mesmo fazer uma refeição por lá, a entrada é gratuita.

Algumas curiosidades sobre o Icewine

📌 Enquanto uma uva produz 5 gotas de vinho tinto, uma uva congelada para a produção do icewine produz apenas 1 gota.
📌 As sementes e a pele são responsaveis por dar a coloração dourada na bebida, mas não podem ficar muito tempo misturada com o suco da fruta ou então acabará ganhando a coloração do tinto.

Me conte nos comentários o que você achou do passeio. Você já experimentou o icewine?
E se gostou do post, clica no like alí embaixo.

Beijos e até o próximo passeio.

Tags: , , ,

mundodasil

Send a Comment

Your email address will not be published.