[ Viagens ]

Viagem de motorhome pelas montanhas rochosas canadenses – Parte 3 de 6

Nesse post vou detalhar o roteiro do nosso segundo dia pelas montanhas rochosas canadenses, então se você não viu o roteiro do primeiro dia, confira aqui.

O nosso segundo dia foi tinha bastante expectativa do nosso lado, pois o lago que pairava em nossos sonhos era o lake Louise e finalmente iríamos conhecê-lo.
Seguindo todas as recomendações nos organizamos para ir ao Moraine lake cedo, chegamos lá cerca de 8:00am, mas o local já estava fechado devido a lotação do estacionamento, então seguimos para o seu vizinho, lake Louise e nesse ainda haviam vagas para carros convencionais, porém não mais para motorhomes. Então seguindo recomendação dos funcionários de lá, decidimos voltar mais tarde.

Como a mudança no roteiro, seguimos para o que seria o nosso terceiro destino…

MORANT’S CURVE

Esse lugar fica na beira de uma estrada e é conhecido por ter essa vista linda, digna de um quadro. Com uma linha de trem ativa (inclusive vimos um trem no momento exato que estavámos lá) e um riacho azul encantador rodeado pelas montanhas. É vista é de tirar o fôlego.

Coordenadas: 51.399644, -116.128323

JOHNSTON CANYON

A nossa próxima para foi no Johnston Canyon, um local com extensos paredões esculpidos minuciosamente pelo vento e pelas águas durante milhões de anos. E para completar o cenário, algumas cachoeiras e águas correm entre esses paredões. É lindo o agir da natureza.
Por diversos momentos ficavámos pensando quantas coisas aconteceram naquele lugar para que as pedras tivessem chegado aquele formato e para a água correr por aquele caminho.

Nesse passeio há uma trilha super bem estruturada que leva os visitantes em direção as cachoeiras e extenção da correntesa. É uma delicia caminhar por alí ouvindo o som da água por todo o passeio.

A trilha tem quase 2.6km e em seu trajeto há 3 cachoeiras. A trilha tem algumas subidas e escadas mas é uma caminhada leve.

Nós andamos apenas até a segunda cachoeira, devido ao tempo que teríamos depois da mudança do roteiro e super valeu a pena.

Coordenadas: 51.245451, -115.839924

LAKE LOUISE

Saíndo de lá paramos para almoçar no próprio motorhome e depois seguimos para o tão sonhado encontro com o lake Louise e para garantir que dessa vez conseguiríamos entrar, paramos no estacionamento que fica a cerca de 20min de lá, onde um shuttle saí a cada 15min levando os turistas gratuitamente para lá.

Chegamos no lago às 3pm e ele estava cheio de turistas e não deu para ter aquele momento de conexão com o lago como gostaríamos. Mas ele estava lá com seu tom de azul clarissimo e incrívelmente lindo mesmo num dia nublado, pois no Sol as cores ficam ainda mais encantadoras, dá para imaginar?

O QUE FAZER NO LAKE LOUISE

O ápise do nosso encontro com o tão sonhado lake Louise aconteceu durante o passeio de canoa, onde todo o agito da multidão foi ficando para trás e então ficou somente nós dois, o lago e as montanhas. Eu nunca mais vou esquecer daqueles tempo que ficamos alí, se sentindo abraçados pelas montanhas.

A canoa comporta até 3 pessoas e tem o valor de CAD$ 105,00 por 1H ou CAD$ 95,00 por 30min. Sinceramente, eu não achei barato, mas como esse lugar era o qual nós estavámos mais empolgados para conhecer, decidimos aproveitar e para nós a experiência foi super divertida, tanto pelo lago, quanto por remar pela primeira vez.

Coordenadas: 51.416288, -116.212619

MORAINE LAKE

Saíndo de lá fomos visitar o Moraine Lake e já passava das 5pm. Magicamente a estrada já não estava mais bloqueada e todo mundo poderia visitá-lo. Chegando lá o estacionamento ainda estava cheio e por sorte achamos uma vaga.
Esse lago também é lindíssimo, pelo modo como as montanhas estão posicionadas e pelo tom de azul mais escuro (ainda mais se comparado ao Lake Louise). O único ponto negativo é que a melhor vista do lago está no topo de uma montanha de pedras soltas, e não nos deu muito segurança de subir (mesmo vendo algumas pessoas escalando-as rapidamente). Mas mesmo lá de baixo a vista já foi deslumbrante e compensadora.

E para minha sorte, um esquilo todo exibido chegou pertinho de mim para que eu fizesse um ensaio de fotos só dele nesse cenário lindo rsrs. Nem preciso dizer que eu me derreti todinha por ele.

Inclusive, eu não sabia da existência desse esquilo selvagem, que tem listras pretas nas costas, rabo pequeno e é bem menor que os esquilos que vemos nas cidades. Então, pude entender de onde veio a inspiração para fazer o Tico e o Teco 🐿💙

Coordenadas: 51.330481, -116.180805

Saíndo de lá, fomos direto para o Camping, que era o mesmo da noite anterior, o Trailer Court.

Eu também aproveitei e fiz um vlog desse segundo dia, onde compartilho um pouco de todos esses passeios que fizemos. Confira abaixo:

Aproveita e me conta nos comentários que passeio você mais gostou, vou adorar saber 🙂

Beijos

Tags: , , , , , , , , , , ,

mundodasil

6 Comments

  1. Eu adorei, loga mais estarei por ai rsrs

    1. Venham loooogooo Ale.
      Vcs vão amar

  2. Aí que orgulho de vê você em lugares tão lindos!!

    Quero muito conhecer esses lugares que parecem um pedacinho do céu.

    1. Linda! <3
      Esse lugar parece um paraíso mesmo Rê, ficamos encantados.

  3. Impossível falar de qual lugar gostei mais hahaha.Que viagem incrível, estou encantada.
    E amei os vídeos!😍

    1. hahahaha dificil mesmo Sú. Os lugares são surreais. Com muito custo eu escolhi o meu favorito e contarei na parte 4 hehehe <3

Send a Comment

Your email address will not be published.