[ Viagens ]

Viagem de motorhome pelas montanhas rochosas canadenses – Parte 4 de 6

Para quem tem acompanhado a viagem aqui no blog, sabe o quanto nós estavamos loucos para conhecer o lake Louise, que é realmente lindíssimo e já contei nesse post como foi. E eu realmente apostava que esse seria o nosso lugar favorito da viagem, mas tudo mudou um dia depois, quando conhecemos o lugar que seria o meu favorito da vida. Abaixo eu conto que lugar é esse….

A ESTRADA MAIS LINDA DO MUNDO: ICEFIELDS PARKWAY

Nosso dia começou pegando uma estrada conhecida por ser a mais linda do mundo, a Icefields Parkway que liga Banff a Jasper e sem dúvida a estrada foi algo que me surpreendeu muito, pois eu realmente não esperava que durante toda a viagem cenários incríveis fossem nos rodear. Eu poderia ficar dias falando dessa estrada e seus cenários magníficos.

A Icefield Parkway é repleta de montanhas diversas, umas mais rochosas, outras repletas de pinheiros, outras com neve no topo, além de riachos e lagos que iam surgindo ao longo da estrada. Muitas vezes era irresistível parar e tirar uma foto nos cenários que apareciam. Por isso, uma boa dica é: curta muitoooo a estrada que é realmente um passeio a parte.

HERBERT LAKE

A primeira parada do dia foi no Herbert lake, que estava vazio quando visitamos e talvez não seja muito popular, pois tem águas num verde escuro, que não é tão chamativo quanto os demais lagos da região, mas ainda assim é muito bonito e vale a visita

Coordenadas: 51.462076, -116.224198

CROWFOOT GLACIER

À caminho do próximo lago, uma parada obrigatória é o Crowfoot Glacier, uma montanha em que a sua geleira forma o desenho de um pé de corvo. Esse local é observado na estrada, onde os turistas param no próprio acostamento para tirar foto da montanha. Por isso, anote as coordenadas do GPS que vou deixar, para que você não passe batido nesse ponto

Coordenadas: 51.662857, -116.437741

BOW LAKE

Esse lago é incrívelmente lindo e foi um dos nossos favoritos. Ficamos um tempo ali contemplando as cores dele que se alteravam conforme o Sol aparecia e se escondia. Foi mágico e valeu cada minuto.

Coordenadas: 51.679031, -116.464487

PEYTO LAKE

Eis que chegamos no lugar que me deixou sem ar, sem palavras e muito emocionada. Eu nem sei como descrever esse lugar para vocês, pois não foi somente a cor da água que me impressionou, mas todo o cenário em volta dele e cada detalhe ali inserido formavam uma pintura perfeita.

Por um momento eu tive que parar para aplaudir Deus por ter criado aquele lugar indescritível que meus olhos mal podiam acreditar que era real. Pra mim, acho que não existe no mundo um lugar mais lindo do que aquele e sem dúvida, se tornou o meu paraíso particular.

Coordenadas: 51.716510, -116.498376

WATERFOWL LAKES

Esse é mais um lago que está na nossa lista de favoritos. Ele tem águas num tom azul turquesa lindo e uma montanha em especial, dá todo um charme no lugar (amei as fotos que tiramos lá).
Quando chegamos o local já tinha alguns poucos turistas, mas nada de muvuca.

Coordenadas: 51.849807, -116.628415

SKYWALK at COLUMBIA ICEFIELDS CENTRE

Esse era um dos lugares que eu tinha uma grande expectativa de conhecer. Tratasse de uma ponte de vidro suspensa a 219m de altura numa montanha, por aí já dá para imaginar a experiência né?


Para ter acesso a essa ponte é necessário comprar o ingresso que lhe dá direito ao transporte até lá (uma vez que não há como ir de carro e somente o ônibus da deles tem permissão de parar alí). O ingresso tem o valor de CAD$ 29,00/pessoa e você pode comprar aqui.

A vista é realmente linda e a experiência é curiosa. Como no dia estava chovendo e uma neblima cobria algumas montanhas, não vimos o apse da vista e ainda assim curtimos, imagina num dia com o ceú aberto?

Coordenadas do local que saí os ônibus para o passeio: 52.221009, -117.219175

ATHABASCA GLACIER

Esse passeio tem o valor de CAD$ 85,00/pessoa e ao adquirir este você ganha o passeio para o Skywalk que mencionei acima. O Athabasca glacier, é uma montanha com uma geleira de aproximadamente 6km de extensão e pela facilidade para acessá-la é a geleira mais visitada da América do Norte.

Falando nessa facilidade em visitá-la, uma parte intrigante é justamente como chegamos nela, onde os ônibus (com pneus gigantes e especiais) levam os turistas até o meio da geleira. Os ônibus revezam entre si e eu pelo menos fiquei abismada como aqueles veiculos que parecem pesados andam tranquilamente em cima do gelo sem quebrá-lo.

Chegando lá a impressão que tive foi de ser uma formiguinha no meio daquela imensão de rochas e da geleira. Algumas crianças estavam se esbaldando pois era a primeira vez que viam “neve” e eu me divertindo vendo a alegria delas <3

Dica: Não esqueça de levar agasalhos mais pesados para esse passeio, pois é frio lá em cima. Nós esquecemos de levar e tivemos de comprar nas lojas de souvenir, ou seja, pagamos caro pelo deslize.

Coordenadas do local que saí os ônibus para o passeio: 52.221009, -117.219175

De lá seguimos para o camping Whistlers Campground que fica em Jasper.

Abaixo, tem o vlog com um resumo de tud que comentei aqui, confere lá:

E assim foi o nosso terceiro dia de viagem, espero que você tenha gostado. Aproveita e me conta nos comentários qual passeio você mais gostou desse dia.

Beijos e até o próximo dia do roteiro.

Tags: , , , , , , , , , , , ,

mundodasil

Send a Comment

Your email address will not be published.